fbpx

Coronavírus: posso fazer exercício durante o surto?

NOTA:

Primeiramente, a Organização Mundial da Saúde (OMS) já anunciou que a melhor forma de combate ao surto é testar e isolar os casos de Coronavírus. O diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus solicitou às autoridades de todo o mundo a cancelar eventos esportivos, culturais e outras atividades que possam aglomerar pessoas, bem como fechar locais como museus e cinemas (1).

“Isolem todos os suspeitos”
“eduquem e empoderem suas comunidades”

Em segundo lugar, nós do Sci Training gostaríamos de deixar claro que, acima de tudo, deve-se respeitar os decretos e determinações de cada cidade/estado/país, relacionadas ao Coronavírus. Portanto, siga as medidas de contenção e isolamento do local onde você mora.

Vamos ao que interessa!

Quando se trata de surto de Coronavírus, uma das medidas adotadas pelas cidades atingidas pelo vírus foi proibir a circulação em parques, praças, academias, etc. Como consequência disso, muitas pessoas tiveram que interromper seus programas de exercício e se perguntam se em época de surto de Coronavírus, é recomendável fazer exercício físico.

Uma publicação da Journal of Sport and Health Science, trouxe uma entrevista com o Dr. Jeffrey A. Woods, que estuda os efeitos do exercício no sistema imunológico. De acordo com o Dr. Woods é aconselhável manter os exercícios físicos, mesmo em época de surtos como o do Coronavírus. Fazer exercícios aeróbicos como caminhada, ciclismo ou natação, regularmente e em intensidades moderadas, pode melhorar a resposta imunológica dos indivíduos e diminuir a mortalidade, enquanto a atividade vigorosa pode piorar os sintomas (estudo realizado com animais) (2).

Vamos a alguns detalhes da publicação!

Exercício Físico durante um surto de Coronavírus. É seguro?

É seguro fazer exercício durante o surto de Coronavírus, mas é preciso tomar alguns cuidados:

– Em alguns casos, usar máscara durante o exercício pode reduzir sua exposição ao vírus.

– Ao compartilhar equipamentos em academias, deve-se desinfetar os mesmos antes e após o uso.

– Ao terminar os exercícios, a melhor forma de limpar as mãos é molhá-las com água limpa e depois aplicar sabão, esfregando-as por pelo menos 20 segundos.

– Desinfetantes com pelo menos 60% de álcool podem ser usados.

– É recomendável não tocar o rosto e pescoço com as mãos.

– Mantenha uma distância de pelo menos 1 a 2 metros de outros indivíduos, pois há evidências de que o vírus é transmitido através de gotículas no ar, vindas de tosse ou espirro, ou por meio de contato físico direto com pessoas infectadas.

Uma pessoa infectada pelo Coronavírus deve se exercitar?

Ela pode fazer exercício se tiver apenas sintomas leves como:

– coriza

– congestão nasal

– dor de garganta leve            

Exercícios aeróbicos de intensidade moderada, 30 minutos por dia são recomendados nesse caso.

NÃO FAZER EXERCÍCIO FÍSICO SE ESTIVER COM ALGUM DESTES SINTOMAS:

– dor de garganta forte

– dores no corpo

– falta de ar

– fadiga geral

– tosse

– febre

Depois de 2 a 3 semanas (tempo que o sistema imunológico leva para se recuperar de doenças respiratórias) é possível voltar a se exercitar em intensidade leve.

Exercício físico e hipertensão

Exercício Resistido (musculação), HIIT e imunidade

Existem alguns estudos recentes, que buscaram determinar as repostas do exercício resistido e do HIIT em alguns parâmetros imunológicos, mas ainda há poucas evidências de que a musculação ou o HIIT pode melhorar a imunidade.

Corrida reduz taxa de mortalidade

Referências

1. WHO Director-General’s opening remarks at the media briefing on COVID-19 – 18 March 2020. Disponível em: https://www.who.int/dg/speeches/detail/who-director-general-s-opening-remarks-at-the-media-briefing-on-covid-19—18-march-2020

2. Zhu W. (2020). Should, and how can, exercise be done during a coronavirus outbreak? An interview with Dr. Jeffrey A. Woods. Journal of sport and health science, 9(2), 105–107. https://doi.org/10.1016/j.jshs.2020.01.005

Gabriel Nappi

Gabriel Nappi

Licenciado e Bacharel em Educação Física pela PUCPR, foi bolsista do PROUNI durante a Licenciatura com muito orgulho. Ganhador do Prêmio Marcelino Champagnat, por ter o melhor rendimento acadêmico da turma de Educação Física de 2010. Especialista em Personal Training e Pilates. Professor de Musculação no Santa Mônica Clube de Campo. Apaixonado por ciência, música, natureza e um sorriso aí. Facebook: www.facebook.com/gabnappi Inastagram: @gabnappi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate